quarta-feira, 1 de junho de 2016

Esta decidida a engravidar? E agora?



Você está decidida, e quer engravidar. Primeira, segunda ou quinta vez...não importa. Engravidar é sempre um acontecimento louco, gigante, incrível... uhuul!
Mas não decida e engravide já, semana que vem!! Você quer ser mãe, não deve agir por impulso e esperar que seu filho ou seu corpo resolva os percalços do caminho.

Mas então o que eu preciso?
Além de um pai para seu filho e vida estruturada (leia como convencer seu companheiro a ser pai), você terá outras obrigações a cumprir.
Como mãe, você deve cuidar do seu filho desde antes da concepção.

Comece por análises ao sangue, urina e se possível um parasitológico de fezes. Porque?
Como você já deve saber, não convém fazer medicação durante a gravidez. E algumas são mesmo proibidas e o uso de qualquer substancia sempre pode por em risco de vida ou chances de causar má formação no seu filho. Não queremos isso, certo mãe? Então faça análises e trate tudo o que for preciso.
Seu medico do posto de saúde (de família) ou mesmo o seu ginecologista pode prescrever isso.
Pergunte também se pode começar a usar o ácido fólico. Ele ajuda a absorção de vitamina B12 que será fundamental para o desenvolvimento neural do seu bebê.


Depois, organize seu ciclo menstrual.
Provavelmente você já parou de utilizar o anticoncepcional, ou retirou o implante intradérmico. Se não... pare! 
Construa sua tabelinha, tenho aqui um texto ensinando de maneira bem fácil.
Se seu ciclo dura mais de 34 dias, fale com seu médico e investigue a existência de cistos no ovário. Que não é nada de mais grave... mas pode causar ciclos sem ovulação além de atrapalhar nos cálculos de data do período fértil. Existe um medicamento que pode ajudar a resolver em pouco tempo esta situação. Tenho também um texto sobre mioma, tudo bem simples de entender, que pode te ajudar a perceber sua menstruação.

Se suspeita de problemas no seu sistema reprodutor (ovário, útero, trompas, canal vaginal), fale com seu medico, existem analises bastante específicas, não as normais, que permitem identificar alterações do FSH, (hormônio folículo estimulante), testosterona... entre outros que podem atrapalhar seu processo de concepção, ou pior, podem mesmo causar abortos! Por isso... pergunte sobre a necessidade de uma ultrassonografia, para literalmente ver como está tudo por aí.
Uma inflamação nas trompas, que ligam os ovários ao útero, pode impedir seus óvulos de se fecundarem, ou pode causar uma gravidez ectópica (gravidez fora do útero) que pode até matar mãe e filho.


Nossa!!! Tudo isso só para engravidar????
Pois é querida leitora, se você não é mãe ainda, se prepare... ser mãe não é apenas parir. Por filhos no mundo. Somos responsáveis por eles.
Mas acredite,você consegue. Reaja a cada situação que aparecer. Tenha força, coragem foco e fé!
Se ao fim de 1 ano tentando, e nada deu certo... fale com seu medico novamente.

E alem disso... temos sempre a opção de adoção. Leia aqui este texto sobre o tema. É uma entrega maravilhosa e seria bom que todos fizessem.
Problemas resolvidos?
Conseguiu seu positivo? Quer saber sobre os primeiros sintomas?? Tenho aqui tudo explicadinho. Deixo o link. Alias tenho um marcador que se chama "planejamento familiar".
Boa sorte e muito bem vinda ao Mãe de Família, você é uma.
2 3 4 5 6 7

Postagens populares