segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Relato de negligência médica. Sapinho

É um caso de uma leitora. Foi sem grandes consequências, mas que fez sofrer uma bebê desnecessariamente. Por mal atendimento ou mal entendimento.



"Ha cerca de uns cinco meses minha filha (estava com 1 ano e 4meses) teve
sapinho -depois de grandinha foi um susto- mas tudo que ela acha poe na boca e nessa fase eles dão um pick (susto?) na gente rsrsrs
A pediatra falou que tinha descido (sapinho, que eu imagino que tenha sido candidíse oral) nem sabia q existia isso... passou um remédio pra ela tomar e disse para passar na pepequinha dela.
Até estranhei mas acabei passando para minha tristeza e da minha filha...
Ela ficou inteira vermelha cheia de bolinha como se tivesse no vivo chorava dia e noite falando dodoi pepeti
Nossa fiquei desesperada porque já tenho um filho de cinco anos e nunca passei por isso!!!!.
Comprei sabonete de camomila. Parei de passar lenço umedecido. Toda vez que ia trocar ela, tinha que dar banho e era para ela uma tortura.
Levei em outro medico que me disse que aquele remédio não poderia ser de uso ginecológico e que poderia ter agravado bem mais.
Fiquei super magoada porque ela trabalhou e estudou quantos anos para fazer isso???
Comprei uma pomada vaginal indicada pelo medico que foi a salvação mas demorou mais de mês para sarar.
Queria compartilhar cm vocês mamães que as vezes pode passar o que eu passei....
Hoje se tenho duvida no que o pediatra fala procuro outro..."

Eu nem precisaria acrescentar mais nada. Essa mãe foi bastante completa.
Em todas as áreas da nossa vida, temos o direito e algumas vezes o dever de desconfiar. Seja com medico, advogado, ou mesmo num restaurante, se você suspeita que a comida não está como deveria.

Temos acesso a internet, e muitos profissionais que podem nos orientar.

Os melhores médicos com os quais tive a oportunidade de trabalhar, diziam que gostavam que seus doentes buscassem na internet informações. Talvez os mais inseguros não gostem tanto assim.

Se não está tranquila quanto a utilização de um medicamento, consulte o farmacêutico de confiança. Procure na internet alguma contra indicação, e leia a bula do medicamento. (Aquele papelzinho que vem na caixa). A bula deve ser lida sempre. Para nossa própria segurança.

Obrigada a Mamãe que nos deu esse relato. Pode com certeza ajudar outras mães.
( as palavras entre parenteses são minhas palavras)

Leia também Minha bebê vomita tudo que lhe coloco na boca
2 3 4 5 6 7

Postagens populares