sábado, 9 de julho de 2016

Surto de mãe faz bem à saúde...


Pisada de galinha, não faz mal ao pintinho...
Sim, digo afirmo e reafirmo!
Um grito, um momento de surto da mãe, pode sim fazer muito bem aos pequenos.
Somos seres humanos, temos nossos momentos piores e melhores. E isso não é apenas dentro de casa, é na vida. E quanto antes todos entendermos, e aprendermos a perdoar isso, melhor!

Falhamos, erramos, "fazemos xixi fora do penico" de vez em quando. E essa figura materna hollywoodiana, em que a mãe é um poço de paciência e compreensão, me parece insano.

Não devemos passar o dia aos gritos, viver brigando e sendo intolerantes, mas a corda, uma hora tem que romper. Esticamos, esticamos, esticamos...  Mãe amorosa, brincalhona,divertida e tolerante,tem que ter um limite.



As crianças precisam sim de frustração. A vida é frustrante!
Não que você deva passar o dia dizendo não e frustrando propositalmente seu filho, mas na hora em que ele apronta de verdade," de verdade MESMO,  você pode surtar.
Evite, mas se acontecer, não se sinta culpada. É sinal de saúde mental.

Pais saudáveis dão um grito de vez em quando, e crianças saudáveis desobedecem.  Mas por favor, nunca deixe passar mais do que 10minutos de surto... atenção e bom senso. Sem agressões físicas e psicológicas. Tudo tem um limite.

O importante é saberem que, vocês tem momentos de "crise" mas que, perdoam todos os erros deles. "Extrapolam sem agredir", ensinam como deve ser e abraçam mostrando que amam.

E a mãe que nunca surtou (com filho com mais de 1 ano) que atire a primeira pedra!
2 3 4 5 6 7

Postagens populares