quarta-feira, 22 de março de 2017

Meu filho foi operado de fimose e hernia. Relato de uma mãe.

Desde as primeiras consultas a pediatra já tinha me esclarecido que a pele não  abria. Fiz os exercícios de puxar levemente a pele, mas não abria. Passei pomada, exercícios, e a medida que o pipi crescia piorava. 

Já tinha ouvido muitas mães, contarem histórias de como em seus filhos a pelinha "saiu sozinha" e não precisaram cirurgia. Então o tempo passou e a médica me disse que meu menino tinha uma hérnia. E disse: "mãe vamos fazer tudo. Vou encaminhar ao cirurgião."


Aiiii, CORAÇÃO, !!!!

Já estava com três anos. A Dra. falou sobre o risco caso não fizesse logo.

Uma amiga indicou-me uma medica cirurgiã, que havia realizado mais de três cirurgia na filha dela. 
Fizemos todos os procedimentos e senti-me segura com a médica, isto foi essencial. 

No dia da operação fiquei muito nervosa, chorei, orei... coisas de mãe. Mas foi rápido.

Meu filho é muito "agitado" eu disse que seriam precisos no mínimo três assistentes para aplicar injeção. 
Aplicaram uma inalação, que o fez dormir antes da picada. 

Assim que terminou o procedimento fiquei com meu filho, ainda no recobro. A Dra. disse que tinha corrido bem, mas assustei-me ao vê-lo a dormir com um tubo de oxigênio.

"Está tudo bem mãe, esse é o procedimento".

A seguir fomos para casa, ele estava calmo, ainda estava sedado.
Quando passou a anestesia fez xixi, e chorou de dor.
Mantive a medicação prescrita à cada seis horas, e tudo ficou bem. 

Usou fraldas nos dois primeiros dias. Os pontos da sutura sumiram e tudo terminou bem.

Relato da Mãe de Família Cristina Alves.

2 3 4 5 6 7

Postagens populares