Quando mãe descansa, carrega pedras.


Acordei decidida, hoje não vou fazer nada, vou descansar!!
Estou no final da gravidez e já sei que se não descansar agora nunca mais descanso.

Claro, é segunda-feira então vou só preparar o pequeno almoço (café da manha) das crianças, vesti-los e levar para a escola.

Nossa, estou mesmo exausta, dói cada pedacinho do meu corpo. Para ajudar, Joana está com tosse e esta noite veio para minha cama e depois eu para a dela, teve que tomar remédio e tal. Vá lá que o Pedrinho me deu um descanso, noite anterior fez xixi na cama.

Preciso mesmo de um tempinho para não fazer nada.

Vou só aproveitar que eles estão a comer e vou por aqui esta roupa escura para lavar. Já que estou aqui, não custa nada por de molho a roupa branca. Nossa!!! O lençol da cama da Joana está manchado com tinta de caneta vermelha... aproveito e coloco toda a roupa de cama dela de molho, está mesmo a precisar clarear, é branco e rosa, difícil manter limpinha.

"Anda mãe, você ainda não está pronta", a Joana já zangada. Passado dois segundos, corre para vomitar. "Ah não Juju... você está bem?", "tossi forte demais mãe".
E agora tenho vômitos de cereais de chocolate com leite no chão... vou só limpar isso, vestir a roupa e levar para a escola.

Lá vamos nós... um friozinho até agradável, 14Graus e sem chuva, ótimo! Vamos a pé, marido hoje leva o carro...

Pedrinho não quer andar, pede colo. Caminhar ajuda no parto, então vamos andar rapidinho...

Missão cumprida, agora vou relaxar!

Já que estou passando aqui pelo supermercado, vou só levar algumas coisinhas que faltam, e a carne do jantar, para não ter que por nada a descongelar.

Estou sem carro, é melhor não levar muito peso... como se isso fosse possível.

Agora simmmmm... Casa, descanso!

Vou guardar as compras, estender a roupa que coloquei na máquina antes de ir e aí sim... Nesse frio, será que seca lá fora? e se chover? o céu está escuro.

Segunda-feira, vou passar essa roupa do marido, as camisas estão se acumulando. Vou só passar umas 5 ou 6 e parar tudo!!

Acho que hoje não almoço... só de pensar em cozinhar agora. Vou comer aqui um iogurte, uma fruta, pão...sei lá.

Marido liga para dar um beijinho... ele disse que estou parecendo cansada, que é melhor eu descansar...

Finalmente roupa passada. a hora parece que voa aqui, ou eu que sou muito lenta para passar e guardar isso tudo.

Putz, esqueci a roupa de cama da Juju que estava de molho, melhor por na máquina agora.

Depois guardar a tábua de engomar roupa, o ferro e sim, agora acabou!!!

Melhor limpar rapidinho o banheiro, que cheio de vômito!! Parece que impregna.

Toca o telefone, é o despertador avisando que faltam 15 minutos para ir buscar as crianças. Já são 15.15h da tarde. Estou mesmo cansada, será que tomo um café para acordar desse cansaço. Cansada de que?? Nem fiz nada hoje.

Joana sai 15 minutos depois do Pedro, a gente espera aqui à porta, esta frio e chuva...

"Vamos crianças, corre... Colo não Pedro, mamãe está cansada."

Joana tem trabalhos de casa, temos que fazer logo porque é para amanhã.
Senta aqui na cozinha e vai fazendo, vou adiantar o jantar... já são quase 18h, parece que o tempo voa aqui.

Pedrinho fez cocó, sujou a roupa... "Ai Pedrinho, onde é o lugar do cocó??? Ok, vamos lá que te dou um banho rapidinho e assim já poe logo o pijama."

"Joana, está tudo bem aí com os trabalhos da escola? Mamãe já vem, vou dar banho no Pedro e vestir, já venho te ajudar."

Ai a cama da Joana, esqueci que tinha tirado tudo para lavar...

"Juju... terminou os deveres de casa?? Já pr'a o banho, daqui há pouco vou lá te secar os cabelos e levo teu pijama..."

Comida ainda a meio, Pedrinho zangado quer comer banana, pão, "Ante do jantar NÃO Pedrinho!!!" E chora e resmunga... E Joana zangada reclama porque eu coloquei o pijama dela para lavar e já não quer vestir outro, e não gosta da roupa de cama que coloquei... parece que nada está bom hoje.

Vou ficando irritada, zangada, quero fugir para minha cama...

Marido chega, banheiro está molhado, a casa está revirada, nem sei como... deixei Pedro um instantinho sozinho enquanto ajudava a Joana e tudo ficou assim. Pegou bolachas e encheu de migalhas a sala.

Marido reclama, diz que deixo eles comerem em todo lado e fica sujo. Que não tenho cuidado...

Quero tomar um banho...

"Meninos, venham para a mesa!!, Joana, ainda não guardou teu material da escola??"

Pedrinho comeu porcaria, já não quer jantar, e começa o drama... Acho que perdi o apetite... agora queria me esconder.

Crianças lindas e cheias de saúde... preciso alimentar o Jorginho que está aqui na barriga... já passamos das 39 semanas, está pesando a barriga, difícil respirar. Que azia e desconforto.

"Vamos lá crianças, já passam das 20h... vamos lavar os dentes e ir para cama. Parem já com essa bola, olha os vizinhos de baixo ainda se zangam!!"

Marido tira a loiça do Jantar, poe na máquina... ufa!! Tão bom eu não ter que fazer isso.

"Vamos criança, eu já mandei... C-A-M-A-A-A-A-A-A!!!!"

Mulher doida está surtando, porque???

Vamos lá... deito com eles, Pedrinho não fez xixi... "Levanta Pedro, vamos lá, não vai fazer xixi na cama!" Como custa levantar com essa barriga e dor nas costas...

Joana está zangada, parece que o lençol tem bicho...ela se irrita por tudo. "Acabou Joana, eu preciso de silencio, DORMEEE!! "

"Água agora?? Está bem, deixo aqui um copo com água"

Pronto, finalmente falta só colocar o remédio do nariz do Pedro esperar eles dormirem e sim, vou descasar, nem acredito!!

Já passam das 21h, quase 22h... espero que essa noite eles não acordem muitas vezes. Está frio e claro que eu ainda venho algumas vezes a meio da noite para ter a certeza de que estão cobertos. Nunca estão!

Dormiram... agora é banho e dar atenção ao marido.

Nossa... meu cabelo está horrível, apanhei chuva, amanhã cedo tenho que levar as crianças para a escola. Espero que as águas não arrebentem essa noite, não sei se teria forças para o parto. Pelo sim pelo não, seco bem o cabelo e fico meio que apresentável para ir para o hospital em caso de emergência...

Deitar, ver um filmezinho com marido, namorar, dormir...
que azia... dói tudo... ele pergunta "amor você está bem?"

"Estou sim amor, poe aqui a mão, sente, o bebé não para de mexer, graças a Deus".

Falta pouco, preciso descansar, não demora muito serão 3 para cuidar, e não posso deixar meu trabalho... Tenho clientes para atender...

"Boa noite amor, te amo... preciso dormir... desculpa."

"Deus obrigada pela família maravilhosa que tenho, me dê saúde e forças, Amém!"
2 3 4 5 6 7

Postagens populares

Booking.com